03 de maio de 2022

Vitaminas Para Engravidar — Entenda a Relação Com A Fertilidade

Compartilhe este post

As vitaminas são essenciais para a saúde em qualquer fase da vida, especialmente para preparar o corpo para receber o bebê e, também, durante toda a gestação. O consumo adequado de vitaminas para engravidar aumenta a chance de uma gravidez bem-sucedida e contribui muito para fertilidade.

Quer saber quais vitaminas, sejam elas obtidas pela alimentação ou por suplementos,são indispensáveis para o organismo nesse período? Continue lendo este artigo!

Qual a relação das vitaminas com a fertilidade?

O organismo é muito dependentedas vitaminas que consumimos ao longo da vida. No processo de gravidez, isso não é diferente. Além de serem indispensáveis durante a gestação, as vitaminas também favorecem a fertilidade.

Apesar de fazerem parte do nosso dia a dia, na maioria dos alimentos saudáveis que ingerimos, muitos casais possuem uma deficiência vitamínica em função de uma alimentação inadequada, que pode prejudicar a mulher durante a gestação e, principalmente, nas tentativas de gravidez. 

Por isso, as vitaminas têm total relação com o nosso estilo de vida, como nos alimentamos e a quantidade de nutrientes que ingerimos, podendo trazer benefícios ou malefícios, caso não seja o suficiente. 

Sendo assim, para que a sua gestação seja efetiva e saudável, é fundamental que você mantenha o consumo constante de vitaminas antes, durante e após a gravidez, contribuindo também para o processo de amamentação do bebê. 

Quais são as vitaminas para engravidar? Conheça as suplementações ideais

As vitaminas são substâncias essenciais à vida, porém não são produzidas pelo nosso organismo. Elas têm função de reparo, renovação celular, crescimento e desenvolvimento, agem no ciclo de metabolismo, antioxidante e até coagulação do corpo.

As principais fontes são os alimentos, mas algumas — como a vitamina D — dependem de outros agentes  como a luz solar, para sua síntese.

As principais vitaminas para engravidar recomendadas para as pacientes são:

  • vitamina B9: conhecida como ácido fólico, diminui a incidência de defeitos no tubo neural e melhoram a taxa de ovulação de fecundidade natural. São encontradas em alimentos como vegetais verde escuro, crucíferas e em fontes animais como carne de fígado;
  • vitamina C: melhoram as taxas de ovulação e de gravidez natural. São encontradas em diversas frutas, como caju, goiaba, mamão, acerola e manga e também em alguns produtos de origem animal como fígado, ostras e ovas;
  • vitamina E: função antioxidante e de reparo celular. É encontrada em peixes, sementes e oleaginosas;
  • vitamina D: para que a pré-vitamina D ingerida na alimentação (peixes, frutos do mar, ovos, fígado e cogumelos) seja ativada é recomendado 30 minutos de sol diário entre às 10h e 16h. Considerada hoje um hormônio, tem funções diversas em enzimas e no metabolismo celular;
  • vitamina B12: relacionado com a formação neurológica do bebê. Encontrada principalmente em fontes animais e deve ser reposta em pacientes com baixos níveis sanguíneos ou vegetarianos e veganos.

Mas, atenção! Antes de decidir tomar vitaminas para engravidar, lembre-se que a avaliação de um médico especialista é fundamental. 

Para saber a importância dos alimentos e exercícios durante a gravidez, leia o artigo sobre como preparar seu corpo para uma gravidez saudável.

Compartilhe este post

Os comentários estão desativados.

Artigos relacionados